conecte-se conosco

Cultura

Restaurante no Arizona vende hambúrguer, pizza e até asa de frango com Cannabis

Estabelecimento aproveitou brecha na lei; entenda

Published

on

No estado do Arizona (EUA), o único lugar em que se pode consumir alimentos com Cannabis é o Mint Cafe. Localmente, a planta é legalizada apenas para uso medicinal, e foi aí que o proprietário Raúl Molina conseguiu atuar: o restaurante funciona dentro de seu Mint Dispensary, uma loja canábica, na qual todos os clientes precisam apresentar atestado médico comprovando a permissão para uso da planta. 

Veja também: Molho de pimenta com Cannabis realça sabores e diverte o jantar

“Nós fomos os primeiros a abrir em nível mundial. Há pouco, soube que acabam de abrir um restaurante similar na Europa”, conta Molina, que entende a Cannabis como “negócio do futuro”. 

O Mint Dispensary possui cerca de 10 mil itens à venda, entre eles chás, camisetas e artigos para fumo. O restaurante, por sua vez, serve uma variedade de pratos, desde hambúrgueres e pizzas – os mais vendidos, segundo o proprietário – até asas de frango e sobremesas. 

Veja também: “Chá das 4:20” é novidade na Inglaterra

“Nove por cento das vendas vêm do restaurante. O que mais se vende são os hambúrgueres e a pizza logo quando começa a temporada de futebol americano, mas também fizemos comida mexicana em 5 de maio”, diz o empreendedor sobre as refeições, cujos preços variam de acordo com a dosagem de THC.

Apesar do sucesso comercial, Molina declarou ter se motivado nos últimos tempos também pela questão medicinal. “Há mais de três anos eu não tinha nem ideia do grande negócio da Cannabis, não sabia nada da planta, tinha muito tabu sobre a Cannabis. Mas neste tempo uma coisa ficou muito clara, o respeito que tenho à planta, e não digo isso por estar na indústria, mas porque vi como mudou a vida de muitas pessoas doentes”, relatou.