conecte-se conosco

Legislação

Bolsonaro é a favor da legalização da Cannabis?

Presidenciável participou do programa Roda Viva na última segunda-feira

Published

on

Ditadura militar, economia e direitos trabalhistas foram os principais temas debatidos entre jornalistas e Jair Bolsonaro no Roda Viva, programa exibido na última segunda-feira (30), na TV Cultura. Apesar da política de drogas não ter feito parte da discussão, buscamos o posicionamento oficial do deputado e candidato do PSL (Partido Social Liberal) à presidência da República.

O site oficial de Bolsonaro contém um blog que reúne matérias com seus posicionamentos a respeito de diversos temas. A página se chama Blog Família Bolsonaro e possui, em meio a entrevistas sobre corrupção, Reforma da Previdência e MST, um vídeo em que o candidato se posiciona a respeito da legalização das drogas.

Fique ligado: conhece as posições dos presidenciáveis sobre a legalização da Cannabis? Um especial do Cannabidiol Brasil vai mostrar pra você!

“Olha, eu tenho que ter uma referência. Vamos perguntar pra qualquer pai se ele é favorável a liberar as drogas. Eu acho que 99% são contra, até porque elas vão chegar nas escolas. Um dos últimos países a liberar foi o Uruguai aqui embaixo – já há uma preocupação porque aumentou o consumo”, disse o candidato.

Após a entrevistadora destacar que na América Latina o Peru e o Uruguai liberaram o uso medicinal da Cannabis, Bolsonaro fez uma ressalva, mas não deixou clara sua posição. “Medicinal é uma coisa, recreativo é outra. Você usa, por exemplo, certas drogas em combate. A morfina, por exemplo, para aliviar uma dor. Agora, a preocupação do pessoal é que, após a liberação do uso medicinal ela (a lei) saia de controle”.

Ao final da conversa, ele reafirmou ser contrário à legalização do uso recreativo da Cannabis.

No dia 23 de junho, Bolsonaro publicou em seu Twitter uma crítica à candidata Marina Silva, da Rede Sustentabilidade. O questionamento foi devido à proposta da ex-senadora de realizar plebiscito a respeito da legalização das drogas e do direito ao aborto.

“Um chefe de estado deve tomar decisões, decidir, mostrar a todos sua verdadeira face. Sempre me posicionei contra a liberação das drogas e aborto. Marina, ao sugerir plebiscito, sem dizer sua posição para temas tão relevantes, se esquiva e lava suas mãos no politicamente correto”, afirmou o deputado, que já está no seu sétimo mandato na Câmara.

*Jair Bolsonaro no programa Roda Viva, veiculado no dia 30/7/2018.