conecte-se conosco

Mais

Elon Musk vai enviar Cannabis para o espaço

Empresa deseja verificar eventuais mutações na planta

Published

on

O gosto de Elon Musk pela Cannabis está levando o empresário a financiar uma viagem da planta para o espaço sideral. A cápsula espacial Dragon, de sua empresa Space X, levou recentemente suprimentos e experimentos científicos para a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) e agora deve realizar um estudo canábico.

Veja também: Elon Musk consome Cannabis ao vivo em programa

Trata-se de um plano da Front Range Biosciences, empresa de agro-tecnologia, como parte do projeto Front Range. O objetivo será verificar se a radiação espacial e a microgravidade modificam geneticamente o cânhamo, espécie de Cannabis com baixo nível de THC e escolhida para o teste. O monitoramento remoto será feito pela BioServe Space Tecnologies, parceira do projeto, e acontecerá na Universidade do Colorado, em Boulder.

Mais de 480 células vegetais serão observadas na pesquisa, incluindo mudas de café. A previsão é de que o novo lançamento aconteça em março.

Veja também: Como seria consumir Cannabis no espaço sideral?

“Há ciência para apoiar a teoria de que as plantas no espaço sofrem mutações. Esta é uma oportunidade para ver se essas mutações se sustentam uma vez trazidas de volta à Terra e se há novas aplicações comerciais”, afirmou Jonathan Vaught, CEO da Front Range.