conecte-se conosco

Negócios

Aurora Cannabis estreia na Bolsa de Nova York

Ações da empresa tiveram alta ao longo do dia

Published

on

Maior empresa do segmento no mundo, a Aurora Cannabis estreou no mercado de ações dos EUA. A canadense entrou na Bolsa de Valores de Nova York com seus ativos em US$ 9,70, chegando a US$ 10,60 e voltando ao preço inicial no final da manhã.

Outras gigantes canadenses, como Tilray, Cronos Group e Canopy Growth já haviam ingressado no mercado financeiro estadunidense.

“Acreditamos que a legalização no Canadá oferece um roteiro para investir nas empresas que formarão a base da indústria legal de Cannabis nos próximos anos”, afirmou Jon Trauben, sócio-gerente da Altitude Investment Management.

 

Presença na América do Sul

A Aurora tem expandido suas atividades para vários locais do mundo. Recentemente, a empresa comprou a ICC Labs, fabricante sediada em Vancouver, no Canadá, por US$ 290 milhões.

Com a aquisição da ICC, que possui 70% do mercado uruguaio, a capacidade de produção da companhia será de 450 mil quilos por ano.

O negócio tem um viés bastante estratégico, na medida em que a demanda de Cannabis no Uruguai é maior que a oferta.

“Tenho certeza de que o governo espera um aumento na produção, porque até agora a demanda excede a oferta. Então, de certa forma, a regulação da cannabis não foi totalmente implementada porque não está atingindo todos os usuários registrados, porque houve uma escassez”, disse Fernanda Boidi, da Iniciativa Latino-Americana de Pesquisa sobre Cannabis e do Insights Research and Consulting.