conecte-se conosco

Negócios

Bitcoin ou Cannabis? Para gestora de fortunas, a planta é investimento mais seguro

“Estou feliz por finalmente estar sendo legalizada”, afirmou Carol Pepper

Published

on

Os investidores do mercado de ações costumam fazer projeções e indicar as tendências do momento. Até outro dia, o bitcoin era a grande “febre”, sendo considerado que poderia revolucionar totalmente o sistema monetário. Hoje, a moeda virtual está desvalorizada e é comercializada a US$ 3,9 mil (já chegou a valer US$ 19 mil). No entanto, de acordo com uma gestora de grandes fortunas, engana-se quem tenta equiparar a empolgação sobre bitcoin com o mercado canábico, o qual ela considera mais seguro.

Carol Pepper é diretora da Pepper International e entusiasta da Cannabis, destacando o grande crescimento das ações de empresas relacionadas à planta.

Ela comemora a legalização do uso recreativo no Canadá, a qual teria “superado as expectativas”. O início da exportação da planta para a Europa é, em sua visão, o grande símbolo do sucesso da mudança legislativa.

Pepper entende que a Cannabis é algo palpável, cujos benefícios estão sendo comprovados cada vez mais por pesquisas científicas. Isso é o que coloca a planta, em sua visão, como algo mais seguro que as criptomoedas.”As aplicações médicas para cannabis são surpreendentes. As pesquisas estão sendo feitas e eu realmente acho que esta é a próxima área de crescimento”, argumenta a gestora de fortunas.

“Eu acho que é uma planta fenomenal que faz muito bem para nosso planeta. E estou feliz por finalmente estar sendo legalizada”, comemorou Pepper.