conecte-se conosco

Negócios

Coca-Cola demonstra interesse em investir no mercado da Cannabis

Gigante de bebidas já negocia com a Aurora

Published

on

Com a ascensão de uma sociedade mais preocupada com a alimentação, o consumo de bebidas com alto teor de açúcar tem caído. Já não é de hoje que a Coca-Cola busca alternativas para continuar líder do segmento. E a Cannabis agora se tornou uma possibilidade.

Nesta semana, a gigante de bebidas não-alcoólicas entrou em contato com uma outra líder, só que essa do mercado canábico, a Aurora Cannabis. As empresas estão em negociação para produção de bebidas com Cannabis, com o objetivo de tratar inflamações, cólicas e dores.

De olho no futuro

Em comunicado, a Coca-Cola afirmou estar acompanhando de perto o crescimento do uso de canabidiol como ingrediente em produtos funcionais de bem-estar. Até o momento, nenhuma decisão foi tomada.

Já a Aurora continua com a sua postura agressiva, marcando presença em diversos ramos dentro da indústria. Em anúncio, a companhia canadense reforçou seu objetivo de penetrar no mercado de bebidas infundidas.

A primeira não-alcoólica

Caso a negociação seja bem-sucedida, a Coca-Cola se tornaria a primeira empresa de bebidas não-alcoólicas com infusão de CBD.

Já existem outras disponíveis, porém empresas famosas pelo consumo adulto. Neste ano, a Constellation Brand, dona da Corona, investiu US$ 4 bilhões na Canopy Growth, o equivalente a 38% dos ativos da empresa.

A Molson Coors também acreditou no negócio e está desenvolvendo novos produtos em parceria com a The Hydropothecary Corporation (HEXO).