conecte-se conosco

Negócios

Empresa faz proposta ao Ministério da Saúde para produzir CBD no Brasil

Investimentos seriam de US$ 20 milhões

Published

on

Companhia estadunidense do ramo cannábico, a Knox Medical está decidida a ter uma fábrica no Brasil. Foi apresentada proposta ao Ministério da Saúde, a qual visa a instalação de uma unidade produtiva para atender ao mercado nacional e latino-americano, além de realizar estudos clínicos sobre epilepsia e câncer terminal.

Mario Grieco, CEO da Knox no Brasil e intermediário das negociações, acredita que o tratamento com CBD pode chegar ao consumidor final por cerca de US$ 80. Atualmente, os pacientes chegam a desembolsar R$ 2,5 mil com a importação do medicamento.

A ideia inicial é estruturar o negócio no estado de São Paulo, mas a empresa também avalia possibilidades em outros locais. Grieco contou que, diante do interesse em iniciar as operações no segundo semestre de 2018, eles pretendem importar seus produtos caso ainda não possuam autorização para produzir.

A Knox Medical já possui unidades produtivas no Canadá e em Porto Rico, além de autorização para comercializar em vários estados dos EUA, país em que a Cannabis medicinal movimentou US$ 7 bi no ano passado.

Fonte: Valor Econômico.