conecte-se conosco

Saúde

Cláudia Rodrigues marca volta para atuar após tratamento com canabidiol

Com esclerose múltipla, atriz melhorou com remédio canábico

Published

on

Entre marcantes personagens na televisão brasileira, Cláudia Rodrigues conquistava de vez a audiência com o seriado “A Diarista”. A esclerose múltipla, no entanto, tirou a “Marinete” do ar, colocando a atriz em intenso tratamento contra a doença. A solução encontrada veio de uma planta com diversos benefícios medicinais, mas que ainda é um grande tabu: a Cannabis.

“Essa é a melhor coisa que tem. São gotas concentradas de Canabidiol que você toma, tomo 30 por dia. Antes tremia, não tremo mais”, contou a atriz, referindo-se a um dos componentes da planta, que é utilizado em seu tratamento.

Ela contou como foi a descoberta da doença, a qual atingiu seu ápice sete anos após o diagnóstico.

“Em 2000 eu fazia a peça ‘Monólogos da Vagina’ e, do meio para o final, senti o braço ficar dormente. Acharam que eu ia infartar. Fui para o hospital, fiz todos os exames e deu esclerose múltipla. O médico disse: não tem cura, pode deixar de andar, falar ouvir… Está na merda’. Tive um surto em 2007 e pararam com [o seriado] ‘A Diarista’. Não conseguia decorar, me mandaram tratar”, disse.

Com o tratamento, ela tem conseguido recolocar a vida nos trilhos. “Melhorei muito, estou bem melhor. O que me falta é equilíbrio, mas devagarinho vai. Tomo antibiótico e antiviral todo dia. Leite, açúcar, chocolate, glúten, ovo não posso, cortei tudo. A esclerose é uma inflamação, então tem que malhar, comer e dormir direito. Se não, perde fibra muscular”, explicou.

Após longo período afastada, ela já tem data marcada para o retorno aos palcos. “Eu vou voltar, volto em setembro agora. Dia 17 de setembro estou voltando a atuar em Curitiba, com Diogo Portugal, Marcelo Médici e David Pinheiro, fazendo humor”.

Fonte: Blog Social 1 (UOL).