conecte-se conosco

Saúde

Maioria dos consumidores de Cannabis legal usa a planta para dormir, aponta estudo

Publicada em revista científica, pesquisa foi realizada na Universidade de Miami

Published

on

“Por que as pessoas fumam maconha?” – a resposta mais comum para esse tipo de pergunta tem a ver com a busca por diversão, por “ficar chapado” e curtir o momento. Uma pesquisa realizada na Faculdade de Medicina Albert Einstein, da Universidade de Miami, no entanto, contraria esse estereótipo: as maiores causas da procura estão ligadas ao alívio da dor e à melhora da qualidade do sono.

Veja também: Canabidiol pode servir como antibiótico

Foram entrevistadas 1 mil pessoas de dois dispensários do estado do Colorado (EUA), que já legalizou o uso recreativo da Cannabis. Entre os participantes, 65% utilizam a planta para efeitos analgésicos e 74% para dormir. Considerando apenas o primeiro grupo, 84% deles também relataram que a planta ajuda a dormir.

“Essas descobertas falam não somente da eficácia terapêutica da Cannabis como uma alternativa de analgésico, mas também no seu papel potencial de diminuir agentes maliciosos”, afirmou Paul Armentano, diretor da faculdade responsável pela pesquisa.

Veja também: 8 usos de CBD poucos conhecidos

Os resultados foram divulgados no periódico Journal of Psychoactive Drugs e reforçam as evidências científicas a respeito dos benefícios medicinais da planta. Além do combate à dor e à insônia, a Cannabis é um poderoso anticonvulsivo e está sendo aplicada e estudada no tratamento de epilepsia, Alzheimer, Parkinson, câncer, autismo, entre outras enfermidades.

No Brasil, as famílias que necessitam do remédio canábico aguardam pela regulamentação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Duas propostas com essa finalidade estão sendo debatidas e podem ser oficializadas até o fim do ano. O governo federal, todavia, é contrário ao projeto da Anvisa e tem ameaçado a agência caso o projeto regulatório seja levado adiante. 

Saiba como obter CBD legalmente