conecte-se conosco

Saúde

Na Globo, Bem Estar aborda Cannabis para pacientes em tratamento de câncer

Programa foi exibido neste mês de dezembro

Published

on

O maior grupo de comunicação do Brasil parece estar se rendendo à importância e aos benefícios da Cannabis. Em dezembro, o programa Bem Estar, exibido na Rede Globo durante as manhãs, tratou da importância do uso da planta entre pacientes que lutam contra o câncer.

Para abordar a questão, a produção apresentou o caso de Gabriella Cantoli, que em 2012 descobriu uma metástase no fêmur e no fígado e que teve origem na mama. Ela precisa de algumas sessões de quimioterapia para controlar a doença, mas as náuseas decorrentes do tratamento atrapalham sua vontade de comer e sua disposição diária.

“Normalmente, o que pega mais pra mim é a náusea. E dessa última vez, na semana passada, foi bem difícil. Um enjoo em que comer fica um pouco complexo”, explica a paciente.

Ela encontrou na Cannabis medicinal uma solução para estimular o apetite, além de o remédio melhorar seu sono, deixando-a mais tranquila.

“Ele vem numa capsulinha assim, com o óleo ali dentro. Eu optei por tomar à noite, porque eu acho mais tranquilo. Assim, já vou dormir, descanso. Ele [remédio] ajuda nesse processo de ficar mais tranquila, dormir bem”, contou Gabriella.

“A Cannabis devolve esse paladar, inclusive melhorando o sabor do alimento. Então o paciente acaba comendo mais do que comeria antes e impede a perda de peso, a inanição –  que causa um comprometimento imunológico se não controlada”, afirmou a drª Paula Dall Stella, da Associação Brasileira de Pacientes de Cannabis.

O programa ainda levantou a eficácia da planta no tratamento de outras enfermidades, como ansiedade e depressão.

 

Programa do Bial também tratou de Cannabis

No mês de julho, o “Conversa com Bial”, talk show exibido nas noites de segunda a sexta-feira, debateu a regulamentação da planta que ainda é um tabu no País.

O apresentador Pedro Bial conversou com o neurocientista Stevens Rehen, o rapper MV Bill e o antropólogo e especialista em segurança pública Luiz Eduardo Soares. Uma ativista argentina que cultiva Cannabis no Uruguai e os coordenadores da APEPI tiveram espaço no programa com entrevistas que foram previamente gravadas.

Quando a maior emissora de televisão do país passa a falar abertamente de um assunto, é bom ficarmos de olho!